terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Que voy hacer je ne sais pas

Que voy hacer - Manu Chao


Eu não sei o que me dá, é uma dor no meio do peito tipo dor de estômago vazio, mas bem na direção do coração, como se as coisas mudassem totalmente de perspectiva e o mundo ao meu redor passasse a acontecer em passos lentos. Eu sei que eu perdi o poder de concentração e posso chorar de ouvir uma música a toa ou lembrar de um carinho a toa. Eu não sei se o sentimento a flor da pele é simplesmente por conta de hormônios e outras "dorgas" que entraram em contato comigo nesses últimos tempos. Eu sei que também é uma mistura de muitos sentimentos e da vontade de não fazer as coisas que tenho que fazer e ficar aqui estática, deixando o medo se apossar dos meus sonhos na minha frente. Eu não sei se vai passar com colo, carinho, tempo e nem se é dor de amor. Eu sei só que dói.


5 comentários:

Isadora disse...

é assim mesmo: às vezes a gente só tem a dor. já passei por isso, e só me recuperei depois de tê-la aceitado, abraçado e vivido completamente. deixa ela entrar que, uma hora, ela também vai embora, assim, sem motivo.

Larissa disse...

essas são sensações que vão e voltam em mim. é ruim mesmo. espero que a dor passe de uma vez!

Alexandre disse...

Concordo com a Isadora, como disse uma vez o "gigante" Nelson Ned, tudo passa. :)

Mas é bom ficar de olho nesse lance das "dorgas", principalmente com esses remédios "amigos imaginários" que precisam ser muito bem dosados e tomados só em situações de emergência.

Pelo que li da postagem, algo que acho que ia te fazer bem são florais de bach, já experimentou?

Dá uma ajuda boa nesses momentos de "balanço" na alma.

No mais, é respirar fundo e autoconhecimento.

;)

Fernando Gonçalves disse...

Olá, parabéns pelo seu blog.
Te convido a conhecer o meu,
http://carmasepalavras.blogspot.com/

;)

Eri disse...

Já me aconteceu :T ESpero que dê tudo certo

 
Template by suckmylolly.com